logo oficina da inteligência

O que é letramento?

letramento

O letramento é um elemento de grande importância para o processo de alfabetização, especialmente quando aplicado ao contexto social.

Originário da expressão inglesa literacy, que remete ao termo em latim littera e cujo significado é “letra”, o termo pode ser definido a habilidade de saber ler e escrever de acordo com o contexto das práticas sociais, indo além do domínio alfabético e ortográfico.

Ou seja, diferentemente do processo de alfabetização, o letramento busca formar cidadãos pensantes e transformadores da sociedade, uma vez que está relacionado à capacidade de desenvolvimento de habilidades a serem utilizadas para ler e escrever no contexto das práticas sociais.

LEIA MAIS: O processo de alfabetização é igual para todas as crianças?

 

Aplicação do letramento no dia a dia

O letramento pode ser considerado uma prática social, extrapolando a leitura e a escrita como requisitos – estes mais limitados à alfabetização. Embora saber ler e escrever seja fundamental para o desenvolvimento do ser humano, é preciso ir além para se tornar um ser pensante, atuar efetivamente no mundo e interagir com segurança no meio social.

Afinal, nós nos comunicamos por meio da linguagem e da semiótica envolvidas na construção de textos e sentidos, não é mesmo? E o letramento visa justamente isso: a inserção do indivíduo na sociedade por meio da linguagem e da capacidade de comunicação e interpretação, com base no contexto social.

Embora em um primeiro momento a conversa pareça abstrata, o conceito já está em prática em muitas escolas, garantindo que os estudantes desenvolvam a capacidade de:

  • Dominar a linguagem em todos os contextos;
  • Apropriar-se das práticas sociais de leitura e escrita;
  • Empregar adequadamente a leitura e a escrita nas práticas sociais;
  • Assumir a linguagem como ferramenta de interação com o meio;
  • Perceber a realidade por meio da leitura do mundo;
  • Produzir significados e sentidos por meio da leitura;
  • Elaborar discursos, interpretar e compreender textos; e, por que não,
  • Atuar sobre o meio e produzir significados, transformando a sociedade por meio da leitura e escrita.

LEIA TAMBÉM: Quais são os pré-requisitos para alfabetização de uma criança?

 

Papel do professor no letramento

Tal qual ocorre na alfabetização, o professor desempenha um papel fundamental no processo de letramento. Cabe a ele, por exemplo, promover experiências que incentivem a interpretação e construção de significados nos mais diversos contextos: livros, textos, paisagens, situações, notícias, músicas e outros.

A ideia é justamente identificar e criar situações novas que incentivem o domínio e uso das múltiplas formas de linguagem disponíveis para a comunicação humana. É importante notar, no entanto, que o letramento é um processo complexo e envolve aspectos pessoais, sociais, culturais, históricos, econômicos, tecnológicos, entre outros.

Nesse sentido, há, atualmente, alguns tipos de letramento, como:

  • Letramento científico, que se refere ao uso dos conhecimentos científicos para identificar e interpretar as práticas científicas e, então, utilizá-las no cotidiano;
  • Letramento matemático, que consiste na capacidade de identificar e compreender o papel da Matemática no mundo e utilizá-la como ferramenta para atender às necessidades do indivíduo no cumprimento de seu papel de cidadão consciente, crítico e construtivo;
  • Letramento linguístico, que consiste na habilidade de dominar a linguagem em todas as suas dimensões e utilizar os conhecimentos linguísticos nas relações sociais, na comunicação e nas ações praticadas socialmente;
  • Letramento literário, que estimula a criatividade e a produção de significados e sentidos por meio de obras literárias, garantindo uma maior interação, interpretação e compreensão do todo;
  • Letramento acadêmico, que envolve os conhecimentos adquiridos no processo de ensino e aprendizagem, entre outros.

O processo de letramento, como podemos observar, é complexo e requer conhecimento teórico e prático sobre a linguagem. Por isso, é importante que professores e escolas, de um modo geral, estejam preparados para trabalhar em diferentes frentes e percepções, seja por meio de projetos de leitura, produção de textos, discussões ou qualquer outra ferramenta que alie conhecimento, interpretação e cultural.

CONTINUE LENDO:O que é consciência fonológica e qual o seu papel no processo de alfabetização?

 

Acompanhe as melhores dicas sobre aprendizagem infantil!

Facilitar o processo de aprendizagem infantil, capacitando pais e profissionais, é o objetivo da Oficina da Inteligência. Fundada pela psicopedagoga Carla Silva e pelo CEO Willian Moreira, a plataforma visa transformar as relações humanas e melhorar o processo de ensino oferecendo treinamentos a professores.

Com uma visão 360º, o site oferece também aos pais todo o conhecimento necessário para que possam participar desta jornada de conhecimento e desenvolvimento. Entre em contato!

Gostou do conteúdo? Compartilhe
WhatsApp
Facebook
Telegram

Mais conteúdos

Preencha seus dados abaixo e seja VIP:

(Leva menos de 1 minuto) ☺️